Enquadramento

1) Importância do medicamento:

- Nas últimas décadas, os medicamentos têm contribuído para a eficiência dos sistemas de saúde por se revelarem um meio custo-efetivo para a redução da carga da doença e mortalidade, promovendo a melhoria da qualidade de vida individual. Os medicamentos acrescentam não só anos à vida, mas também vida aos anos.

2) As oportunidades de melhoria no investimento em medicamentos:

- Contudo, ampla evidência internacional sugere que existe um potencial não aproveitado no investimento que se faz anualmente em medicamentos. Por exemplo, a Organização Mundial da Saúde estima que 50 % dos cidadãos em todo o mundo não tomam correctamente os medicamentos, por diversas razões.

Saber mais




Partilhe
esta informação

Oportunidades de melhoria através do Uso Responsável do Medicamento

ADESÃO À TERAPÊUTICA

A não adesão à terapêutica ocorre quando os doentes não tomam os seus medicamentos de forma correcta, parcial ou totalmente. Isto resulta em complicações evitáveis e onerosas, que são frequentemente mais caras do que os medicamentos em si, e que podem comprometer os resultados em saúde.

UTILIZAÇÃO DO MEDICAMENTO NO TEMPO CERTO

A não utilização de medicamentos no tempo certo ocorre quando o doente não tem acesso ao medicamento atempadamente, resultando na progressão da doença e subsequentes complicações evitáveis.

OPTIMIZAÇÃO DO USO DOS ANTIBIÓTICOS

O acesso facilitado a antibióticos, o seu custo reduzido, e a percepção generalizada de que tratam qualquer tipo de infecção podem levar à sua utilização excessiva. Mais raramente, os antibióticos também podem ser subutilizados. A sua utilização desadequada resulta em custos acrescidos para o sistema de saúde, através de hospitalizações e tratamentos mais dispendiosos.

DIMINUIÇÃO DE ERROS DE MEDICAÇÃO

Os erros de medicação podem ocorrer em várias etapas do processo de uso do medicamento, como a prescrição, preparação, dispensa, administração e monitorização. Dependendo de onde ocorre o erro, este pode resultar em hospitalizações evitáveis e utilização adicional de medicamentos.

UTILIZAÇÃO DE GENÉRICOS

A oportunidade de beneficiar de genéricos seguros e de baixo custo pode estar subaproveitada, dependendo das diferenças de preço e de volume entre os medicamentos de marca e os medicamentos genéricos.

GESTÃO DA TOMA SIMULTÂNEA DE VÁRIOS MEDICAMENTOS

A polimedicação ocorre quando os doentes tomam simultaneamente vários medicamentos. Uma gestão inadequada da polimedicação pode ter como consequência problemas relacionados com medicamentos, que podem ser graves e dispendiosos. O risco de problemas relacionados com medicamentos e hospitalizações subsequentes, incluindo a utilização adicional de medicamentos, aumenta quando os doentes estão a utilizar mais do que 5 medicamentos em simultâneo.



Quem é responsável?

Somos Todos Responsáveis


Esta é uma causa universal e comum que pressupõe o envolvimento de todos os intervenientes e responsáveis pela disponibilidade, acesso, e utilização do medicamento, sendo que a valorização das competências das equipas multidisciplinares é um factor essencial na promoção do uso responsável do medicamento.


Farmacêuticos

Dr. Luís Lourenço
Farmácia Comunitária
Contributo enviado pela LisbonPH e
Farmácia da Universidade de Lisboa
Prof. Doutor José Morais
Ensino & Investigação

Indústria Farmacêutica

Dra. Marta Gomes
Indústria Farmacêutica
Dr.ª Cristina Cardoso
Indústria Farmacêutica
Dra. Cristina Lopes
Indústria Farmacêutica

Médicos

Dr.ª Maria do Céu Santo
Médica
Dr. Mário Durval
Médico
DR.ª MARIA JOÃO LAGE
Médica

Enfermeiros

ENF.ª SUSANA RAMOS
Gabinete de Gestão do Risco CHLC
Enf.º Alexandre Tomás
Presidente do Conselho Directivo da Secção Regional do Sul da Ordem dos Enfermeiros
ENF.ª IDALINA BORDALO
CENTRO HOSPITALAR LISBOA CENTRAL, EPE

Decisores Políticos

Cidadãos

Prof. Doutor Pedro Pita Barros
Professor Catedrático de Economia
Contributo enviado pelo Gabinete de Gestão de Risco do Centro Hospitalar de Lisboa Central
Semana da Segurança do Doente: Medicação Segura
Dr. Hugo Mendes
Marketing & Supplier Relations Director da IMS Health

SESSÕES DE DISCUSSÃO

Consulte em baixo os vídeos das Sessões de Discussão da Campanha

SESSÕES REALIZADAS





10 factos que deve saber sobre o medicamento

Envolva-se

Deixe-nos aqui um link do seu vídeo ou fotografia com o seu testemunho e mensagem. Poderá, ainda, enviar artigos de opinião, estudos, referências bibliográficas e iniciativas que considere de relevo para discussão da temática. A sua contribuição pode ser um exemplo inspirador para milhares de pessoas, e vai com certeza ajudar-nos a utilizar os medicamentos de uma forma eficaz, racional e responsável. Obrigado!

A Ordem dos Farmacêuticos reserva-se o direito de analisar os conteúdos antes de decidir sobre a sua publicação.

MURAL #SOMOSTODOSRESPONSAVEIS

Descarregue aqui o seu cartaz, imprima e tire uma foto.
Partilhe-a no Facebook ou Instagram com o hashtag
#somostodosresponsaveis e faça parte do nosso mural
e da nossa causa.

Descarregue aqui o seu cartaz, para os 10 passos para o USO RESPONSÁVEL DO MEDICAMENTO.

Descarregue o seu kit Facebook












Contactos:

ORDEM DOS FARMACÊUTICOS

Rua da Sociedade Farmacêutica, 18
1169-075 Lisboa

Tel.: (+351) 213 191 370
Fax: (+351) 213 191 398
E-mail: regional.lisboa@ordemfarmaceuticos.pt